Empresas solar-fotovoltaicas: Materiais para os seus sites & ideias estratÉgicas

Oportunidades de negócio para as empresas Do setor solar-Elétrico

A energia solar – designadamente a energia solar a nível de edifícios - é um negócio de biliões, literalmente.

Os Edifícios Energia Zero (EEZ) terão que estar equipados com sistemas fotovoltaicos, o que abre enormes oportunidades de negócio. É um imperativo ambiental. Afinal de contas os edifícios são, em termos mundiais, os maiores consumidores de energia (mais do que a indústria ou os transportes) e, nessa perspetiva, os maiores responsáveis pelas mudanças climáticas e pelo aquecimento global.

Nota: a legislação da EU prevê a obrigatoriedade de todos os novos edifícios serem EEZ, a partir de 2018-2020.

O que falta para que a indústria solar fototovoltaica arranque em força?

Em países como o Brasil ou Portugal, faltam enquadramentos financeiros, legislativos e logísticos.

O crescimento da energia solar passa sobretudo por projetos de leasing solar, alianças estratégias entre parceiros de negócio (bancos, proprietários de grandes edifícios, empresas de leasing solar, empresas na área da eficiência energética, municípios) e por abaixamentos dos custos de contexto e de instalação (mais do que abaixamento nos custos dos painéis solares).

Preços e custos

Os preços dos painéis solares baixaram imenso nos últimos anos, mas sem abaixamento nos custos burocráticos (licenciamentos e inspeções em série) e nos custos de preparação local ou nos custos dos transformadores, inversores, cabos, suportes e outros materiais acessórios, o sucesso da solar fotovoltaica será sempre difícil.

Grandes edifícios e projetos

A energia solar fotovoltaica é hoje competitiva em grandes projetos. A instalação em massa e em grandes edifícios permite reduzir os custos de contexto (burocráticos, financeiros, locais), bem como estandardização de processos e economias de escala.

Solar fotovoltaica competitividade


Pode utilizar o infográfico acima no seu site ou blog.
Para tanto copie o código que anexamos na caixa ao lado, e cole-o no lugar pretendido do seu site.

Leasing solar

A massificação da instalação de sistemas solares fotovoltaicos passa por esquemas de financiamento tipo leasing. Em vez de ficarem a pagar a eletricidade às empresas tradicionais de eletricidade, os donos dos edifícios passam a pagar uma renda à empresa de leasing solar. É a via mais fácil de convencer esses proprietários a montarem sistemas fotovoltaicos, e um esquema que começa a ganhar força nalguns países.

Ver infográficos:
Como reduzir os preços da energia solar em Portugal e Brasil para metade ou menos
Instalação grátis de painéis solar elétricos: demasiado bom para ser verdade?

As grandes empresas do setor solar fotovoltaico tenderão a estar ligadas a empresas e sistemas de eficiência energética

É um imperativo em países de clima frio.

Mas mesmo no Brasil ou em Portugal, a instalação de sistemas elétricos fotovoltaicos só ganha verdadeira pertinência em edifícios preparados para gastarem o mínimo de energia em ar condicionado, aquecimento e equipamentos… Ou seja, a eficiência energética é fundamental, já que pode facilmente reduzir os consumos energéticos dos edifícios em 50% ou mais, viabilizando sistemas fotovoltaicos mais pequenos e mais baratos.

Alianças estratégicas

As pequenas empresas na área fotolvaica poderão ter uma função significativa e uma quota de mercado razoável no setor energético-solar. Mas sobretudo como empresas instaladoras e subcontratadas.

Os grandes beneficiários do desenvolvimento em massa dos sistemas fotovoltaicos serão grandes empresas atuando no quadro de grandes projetos e com alianças estratégicas a bancos (de modo a viabilizarem sistemas de leasing solar) e às autoridades locais e aos grandes edifícios. Só a grande dimensão permite grandes economias de escala e abaixamentos de custos.

Papel das autoridades públicas

O papel dos governos locais (cidades, municípios) pode ser muito importante na dinamização do setor solar-fotovoltaico. Esses governos podem lançar campanhas promocionais, impor códigos de eficiência energética, lançar projetos em grandes edifícios públicos, promover parcerias com bancos e grandes empresas, premiar arquitetos e empresas empenhadas na mudança energética e penalizar os que mantêm esquemas tradicionais.

Parcerias

O crescimento a ritmos muito elevados do setor solar-fotovoltaico passa por parcerias com bancos/empresas de leasing solar, grandes edifícios, autoridades locais e grandes empresas ligadas à construção e aos materiais e processos de eficiência energética.

Argumentos Que as Empresas do Setor Fotovoltaico podem utilizar a nível da promoção da energia fotovoltaica (Marketing solar)

O argumento ambientalista é obviamente importante, mesmo para os potenciais compradores sem ideais ecológicos fortes. Os apelos às vantagens ambientais dos sistemas solares fotovoltaicos podem ser um bom – e válido - argumento de venda. Ver infográfico a seguir, que pode utilizar no seu site (basta copiar o código que anexamos).

solar fotovoltaica ambiente


Pode utilizar o infográfico acima no seu site ou blog.
Para tanto copie o código que anexamos na caixa ao lado, e cole-o no lugar pretendido do seu site.

 

Campanhas centradas nas vantagens financeiras dos sistemas solar fotovoltaicos podem também ser ensaiadas. Mas há que ter em conta que – no presente - elas só existem no quadro de sistemas instalados em grande escala.

As vantagens de curto prazo sobrepõem-se normalmente às vantagens de médio e longo prazo, aquando das decisões da maioria das pessoas, incluindo empresas. É algo válido para inúmeras situações, incluindo obviamente a instalação de sistemas solar-fotovoltaicos.

Mesmo que hajam vantagens económicas e financeiras de médio e longo prazo (o que pode não existir ou não ser suficiente claro em pequenos projetos…), os custos imediatos da instalação de sistemas solares podem afastar muitos potenciais interessados.


Pode utilizar o infográfico acima no seu site ou blog.
Para tanto copie o código que anexamos na caixa ao lado, e cole-o no lugar pretendido do seu site

 

A via mais "fácil" de superar o problema é o do pré-financiamento dos sistemas fotovoltaicos. Ou seja: a questão do leasing solar é fulcral, para pequenos projetos.

Sem leasing solar, o segmento de mercado mais fácil de ser conquistado (em termos de instalação de sistemas solares fotovoltaicos) é o dos grandes grupos e empresas com edifícios e instalações envolvendo altos gastos em energia. Essas entidades têm normalmente meios de tesouraria capazes de financiarem à cabeça a instalação de sistemas solares, no quadro de estratégias de ganhos financeiros de curto e médio prazo.

 

Mais infográficos que pode utilizar no seu site:
Aplicações da energia solar
Libertar energia dos edifícios para os transportes e indústria
Solar elétrica: uma fonte de energia ainda imatura?
Como reduzir os preços da energia solar em Portugal e Brasil para metade ou menos
Instalação grátis de painéis solar elétricos: demasiado bom para ser verdade?
A relação amorosa dos militares americanos com a energia solar
Porque é que a eletricidade solar fotovoltaica é tão acessível para as grandes empresas?
O crescimento da solar elétrica vai depender muito dos municípios e de políticas locais
Será que a eletricidade solar fotovoltaica é acessível sem ajudas estatais
Passos críticos antes da instalação de um sistema de eletricidade solar fotovoltaica
Pequena história ilustrada das fontes de energia
Evolução das emissões de carbono do setor dos edifícios, indústria e transportes
Emissões de carbono sempre a subir: de 1700 até ao presente
Edifícios Energia Zero
Opções em termos de aquecedores solares de água
Aquecedores solares de água, vantagens ambientais
Aquecedores solares de água, poupanças
Esbanjamento de energia e poluição associada a edifícios
A eficiência energética de edifícios é bastante mais do que apenas equipamento
A importância das casas de baixo consumo energético para uma revolução verde

 

 

 

 

Top or Home Page Conteúdo relacionado
Contents Topo .... Início