parcerias e projetos a nível da transiÇÃo das cidades para formas de energia limpa

Os municípios e as cidades podem e devem tentar aproveitar as suas redes de contactos para promover formas de energia limpa, nomeadamente a nível de edifícios.

Alguns municípios e cidades têm ligações privilegiadas a outros organismos estatais, ou a escolas e outros edifícios públicos, ou contactos com bancos e empresas elétricas e ligadas às energias renováveis - ligações que podem ser capitalizadas no sentido de serem desenvolvidos projetos na área da transição para formas de energia limpa a nível das cidades.

Esses projetos podem, por exemplo, envolver a melhoria da eficiência energética em edifícios públicos (e privados), ou projetos de instalação de painéis solares fotovoltaicos.

Mais do que o envolvimento financeiro direto, quase sempre inviável por falta de meios próprios, é sobretudo uma questão de promoção de projetos e de parcerias.

Referimos em baixo alguns exemplos possíveis de projetos e parcerias, envolvendo municípios e cidades.

Promoção da Energia solar e outras renováveis

A instalação de painéis solares fotovoltaicos em grandes edifícios – prédios, escolas, hospitais, edifícios de escritórios, centros comerciais e outros – passou a ser economicamente rentável desde que feita em grande escala (de modo a baixar os custos de instalação e outros custos operacionais e burocráticos).

A questão já não está tanto no preço dos painéis, cujo custo baixou mais de 50% só no período 2011-13, mas nos demais custos.

E as autoridades locais podem ter um papel fulcral nestes projetos, por via das suas ligações a grandes edifícios públicos ou por via do processo de licenciamentos e apoios logísticos. Não é uma questão de financiamento - que deverá passar por bancos, fundos e outros organismos financeiros - mas uma questão de projetos, apoios, informação e promoção.

Ver por exemplo o projeto de apoio à energia solar da cidade de Boston.

Ver também estes infográficos:
Solar elétrica: uma fonte de energia ainda imatura?
Como reduzir os preços da energia solar em Portugal e Brasil para metade ou menos
Instalação grátis de painéis solar elétricos: demasiado bom para ser verdade?
A relação amorosa dos militares americanos com a energia solar
Porque é que a eletricidade solar fotovoltaica é tão acessível para as grandes empresas?
O crescimento da solar elétrica vai depender muito dos municípios e de políticas locais
Será que a eletricidade solar fotovoltaica é acessível sem ajudas estatais
Passos críticos antes da instalação de um sistema de eletricidade solar fotovoltaica.

Edifícios públicos e obras de eficiência energética

Muitos dos edifícios administrativos do Estado, das escolas, dos hospitais e outros edifícios públicos têm a dimensão ideal para a rentabilização de projetos denvolvendo isolamento térmico, telhados refletivos, janelas de baixo consumo energético e outros - uma área em que as autoridades locais podem ter um papel importante a este nível.

Fundos e parcerias

Há por vezes fundos estatais (ou da União Europeia, e mais concretamente do FEDER, no caso português) que poderão ser acionados no quadro de programas de transição para energias limpas.

Sem esses apoios, e sem parceiros fortes como grandes empresas de leasing solar, empresas de energia e, obviamente, sem a presença direta ou indireta de entidades bancárias, não é possível desenvolver projetos estruturantes, capazes de transformar de forma rápida e significativa a situação dos nossos edifícios.

Ver: URBACT: Building Energy Efficiency in European Cities

 

 

Top or Home PageConteúdo relacionado
Contents Topo .... Início